Mitzrael Girl (mitzrael_girl) wrote,
Mitzrael Girl
mitzrael_girl

  • Location:
  • Mood:
  • Music:

Supernatural ~

Hmm, assunto novo, depois de muito tempo o blog em traças, não é? Mas não tinha como assistir a série quase toda e não vir aqui fazer uns breves comentários, como de costume. Já que abandonei os comentários sobre Code Geass (espero que um dia eu reassista a série para poder completar minhas considerações brilhantemente brilhantes 8D *tosca*), vamos agora fazer um pequeno tour pelas cinco temporadas de Supernatural, o que eu acho ou deixo de achar, e pelo amor de tudo que é mais sagrado, não venham me xingar pelo que eu disser, já que a opinião é MINHA e não estou dizendo que tem que ser de mais ninguém!

Então, primeiro fato que se deve saber sobre SPN, quer vocês queiram acreditar ou não: é clichê. Indiscutivelmente, indubitavelmente, inadvertidamente CLICHÊ... e talvez seja por isso que faz tanto sucesso, e até eu tô assistindo, ó! Embora não ache que seja tão foda quanto os fãs que eu conheço e talz. Toda a mitologia ao redor da qual a série gira é clichê e a gente começa logo do sal... eles não se preocuparam realmente em fazer coisas originais, simplesmente juntaram todas aquelas lendas que a gente já conhecia (ou não, mas que já existiam) sobre sal, ferro, prata, estacas, invocações, exorcismos, e tacaram num só seriado. Exatamente por isso deve ter ficado tão bom... simplesmente porque hoje, o que todos os roteiristas do mundo tentam fazer é fugir do clichê, o que está fazendo o não-clichê virar clichê, portanto, o clichê hoje se torna não-clichê, o que faz de SN uma série aceitável e famosa (acho que alguém entendeu? 8D).

Supernatural é interessante porque traz à tona muitas coisas legais sobre lendas urbanas e de fantasmas que estão ao nosso redor, mas com as quais a gente não se importa, realmente. E eu digo uma coisa, nunca gostei de mexer com nada disso, mesmo nem sabendo se eu acredito... mas depois de metade dos episódios de SN, a última coisa que quero fazer é falar "Bloody Mary" três vezes na frente de um espelho! No fim das contas, nos mostras muitas lendas que a gente não conhece, mas que sempre estiveram lá, escondidas ao nosso redor, e se mantém fiel à praticamente todas as historinhas contadas através dos séculos, especialmente sobre o ritual de exorcismo em latim que é o único aceito pela Igreja Católica... (informação da Lis, porque eu não fazia IDÉIA XD)

Mas então, estava aqui comentando com uma amiga o seguinte fato: deixei de assistir o combo de Phineas e Ferb de sete horas seguidas na Disney Channel pra ver os dois últimos episódios da segunda temporada de SN (só pra constar, comecei a acompanhar a partir da quarta, certinha... das outras temporadas, só tinha visto uns episódios avulsos, embora tenha reassistido a primeira temporada toda e a cada epi, eu me dava conta que já tinha visto aquilo.. enfim, agora falta reassistir a terceira temporada completa pra ficar tudo certinho, e eu continuar com a quinta), e sinceramente? Foi uma merda. Eu sei que todos os fãs de SN vão querer me matar por isso e blá, mas fato: os fins de temporadas de SN até então não me chamaram realmente a atenção... MINTO... o fim da quarta temporada me chamou a atenção só porque Lúcifer saiu da tumba, mas fora isso... nada que realmente eu olhasse e dissesse: OMG, isso foi AWESOME! Deixei de ver as idéias magníficas de Phineas e Ferb e principalmente o Perry, o ornitorrinco... pra ver AQUILO? Eu esperava muito mais... a morte do Sam foi um lixo, e por ter acontecido no penultimo episódio, oras... claro que estava mais que óbvio que ele ia voltar no outro. Dean faz o acordo e blá... quatro caçadores INCOMPETENTES, deixa eu ressaltar isso, não conseguem ter coragem pra atirar naquele Jake de merda antes dele abrir o portão. Daí ele controla a mente da Ellen, todo mundo abaixa as armas, e ele ainda consegue abrir o portão do inferno magicamente? Me poupe! Dean já matou por muito menos que isso, e ter hesitado lá, os quatro cercando o cara a ponto de abrir a porta do inferno?! Foi o cúmulo. Ah... única coisa legal foi o Sam matando ele a queima-roupa e sem toda aquela viadagem dele sobre matar pessoas. E depois disso? Ah, fantástico! "Abrimos a porta do inferno, vamos nos esconder atrás de lápides enquanto todos os demônios passam por cima da gente pra irem pegar outras pessoas inocentes ao invés de aproveitarem a chance de algum modo nos matar, já que se ficarmos vivos, vamos matá-los mais tarde". Devo dizer que estou emocionada com a falta de ação que teve o último episódio da temporada? E justo com um nome meigo de "All Hell Breaks Loose"? Ah... claro, ficamos todos felizes e derramando lágrimas nos cantos dos olhos quando tio John resolveu dar o ar da graça e os ajudar a matar o demônio de olhos amarelos, aka Azazel. Não sei qual das hipóteses me comove mais: 1. Tio John voltou porque, claro, ele passou a vida toda perseguindo o Azazel, então, teria que participar da morte dele junto com os filhos e ajudar de qualquer maneira possível; 2. Irmãozinhos Winchester são incompetentes demais para conseguir matar o Azazel sozinho... bom, como já se provaram antes, não é?

Enfim... tá bom de xingar o final da segunda temporada por agora, né. Final da primeira, comovente também, nem se fala: vamos esmagar os três dentro dum carro pra quase matá-los e terminar o episódio assim, desse modo, garantimos a audiência na segunda temporada. É por isso que eu digo, Supernatural tá fazendo um sucesso incrível porque é clichê... e agora, me ocorreu uma coisa muito interessante que eu já tinha comentado com a Lis. Não sabemos o que vai acontecer nessa temporada ao certo, mas se eles continuarem na mesma série de clichês, bom, Dean e Sam dirão sim logo logo. Por que isso? Bom, dá pra confirmar a partir da segunda temporada, embora eu só tenha ressaltado com a Lis sobre a terceira. A segunda temporada nem tanto, mas ela corre em torno do Sam ser algum tipo de soldado pra uma tal guerra, né? A idéia é parar a guerra... mas a única coisa que eles conseguem no final, como já estava previsto desde o início, é soltar o exército pra começar a guerra. Na terceira temporada, a mesma coisa, é a briga pra eles tentarem salvar a vida do Dean do contrato com o demônio da encruzilhada... a pessoa assiste a temporada toda na esperança de que eles consigam salvar o Dean e pans, mas no final, acontece exatamente como foi predito desde o primeiro episódio: Dean ia morrer dentro de um ano... Dean MORRE. Na quarta temporada, mais uma vez, flashback! Começam descobrindo sobre o apocalipse e Lilith quebrando os selos... fazem de tudo pra impedir que ela consiga quebrar todos, e o que acontece no final? O que foi dito desde o primeiro episódio: quebram-se todos os 66 selos e tio Lu volta à terra. Então, aqui vai o meu palpite pra o fim da quinta temporada: todo mundo torcendo feito doido pra eles conseguirem acabar com o apocalipse, sem ter que dizer sim... eles provavelmente vão dizer sim. Seria divino se os dois dissessem, mas eu chuto que AO MENOS UM vai dizer. A não ser que se quebre a linha das temporadas, e subitamente o Kipke e a Gamble tenham uma idéia alternativa, e sabem por que? Porque apartentemente [SPOILER] Deus não dá a mínima! (episódio 16, fresquinho 8D) particularmente, estou achando que esse episódio nos pegou de um jeito bem estranho, do tipo, "Oi, hoje é primeiro de abril, vamos pregar uma peça em todos os fãs", e no fim das contas, depois de todo o esforço a ser apreciado dos irmãozinhos Winchester, nosso querido Deus vai decidir dar uma ajudinha. Embora... acho que seja meio difícil. O fato é que, a sexta temporada confirmada, e com essa idéia aí tosca de "Novo Começo" e "Aposentadoria"... uma temporada a là Friends, só focada na vida dos dois irmãos, seria simplesmente ridículo e uma indicação ótima de que eles vão parar o apocalipse. Mas, comentários à parte... eles dizendo Sim e lutando até metade do mundo morrer, acho que não teriam muita força pra continuar vivos depois... ou então, eles dão outro jeito de acabar com a briguinha dos irmãos gays Mike e Lu...

Mas então... falemos da sexta temporada... que MERDA master. Sério que depois do Apocalipse, depois de cinco temporadas envolvidas COMPLETAMENTE no Apocalipse, e com detalhes muito bem amarrados e entrelaçados (a parte os Fillers, claro), eles simplesmente vão fazer uma temporada com a vida miserável dos irmãos pós-apocalipitica? Dá um tempo, né? Eu tenho um sério palpite de que pelo menos no fim do segundo episódio, eles vão se meter em alguma coisa grande de novo, claro, afinal, Supernatural não é nada Sobrenatural se os irmãos simplesmente se aposentam, têm romances e vivem a vidinha feliz deles, amém. O fato é que: Sam e Dean eram as peças principais pra acontecer o apocalipse e a grande batalha entre Michael e Lucifer, nasceram pra isso, e os sinais estavam lá desde a primeira temporada, mesmo que a gente só consiga ver isso na quinta, ou que simplesmente tenha sido um bando de cagadas muito cagadas do Eric. Eu particularmente acho fantástica aquela coisa de "os anjos estão olhando por você"... que a Mary sempre dizia pra o Dean antes de dormir, e que acabou se mostrando como um tipo de reflexo da experiência que ela teve com a Anna, o Michael e o Uriel, e que foi apagada da memória dela, num dos capítulos da quinta temporada. Eu não sei se isso foi uma jogada de sorte do Eric ou se já estava planejada desde que ele começou o seriado, mas não é só uma vez que esse fato aparece nas temporadas anteriores de SN.

Eu não sou a maior fã de Supernatural (deu pra perceber, né 8D), eu não sou o tipo que assiste todos os episódios com os olhos completamente vidrados e quase arrancando um pedaço da cadeira em que estou me segurando... mas eu gosto de assistir casualmente, e principalmente, pra irritar a Lis assistindo os episódios antes dela. Mas admito que fora os fillers, que precisam existir, claro, toda a rede de conexões e detalhes básicos que o Kipke montou desde o primeiro capítulo da primeira temporada para culminarem no Apocalipse com o Dean e o Sam lutando em lados opostos, foi fantástica. Os finais das temporadas ainda não me agradam muito, especialmente porque aumentei meu padrão de finais depois de CLAMP e especialmente Code Geass (finais MUITO drásticos que compensam pela série toda a ponto de você esquecer todos os episódios anteriores XDD), mas o modo como eles abordam a mitologia e como estão tratando anjos e demônios, e especialmente a personalidade de Lúcifer (amo ela mais que tudo *-*), muito me agrada, confesso... principalmente porque eu tenho uma queda terrível por lutas apocalípticas entre céu e inferno. XD Mas no final das contas, nada disso muda metade do que acho sobre a série, sobre os clichês e tudo mais... e o pior de tudo! Sobre a possibilidade de uma sexta temporada. Se o Kipke criou SN pra chegar na quinta temporada com o Apocalipse, ótimo, acabe aí! Eu tenho quase 99% de certeza que se acabarem o apocalipse agora e estenderem a sexta temporada "focada na vida dos irmãos"... vai cagar TUDO, e pra arrumar uma mitologia que seja tão grande quanto o nosso apocalipse pra tacar os dois irmãos dentro, bom, seria meio completamente apelativo... tipo: "Oi, somos os principais do Apocalipse católico... mas por acaso, tropeçamos também nas peças principais do RG Veda". Eu continuo não colocando muita fé nessa continuação, mas vamos ver, não é?

Acho que já falei demais por agora... vou lá escrever alguns fics e talz, que é o melhor que eu faço. 8D E ver fotos do Jared! *-* Que corpo é aquele, meu!!! Especialmente porque AMOOO o Jared, o Sam ainda é um pé no saco, mas o Jared!! OHHH É o Jared *-* (tosca)...

Enfim, até o próximo surto. 8D

Kissus, xauzin ;*
Tags: dean, deus, lúcifer, michael, sam, spoiler, supernatural, winchester
Subscribe
  • Post a new comment

    Error

    default userpic

    Your reply will be screened

    When you submit the form an invisible reCAPTCHA check will be performed.
    You must follow the Privacy Policy and Google Terms of use.
  • 1 comment